Tags

,

AMOR PROIBIDO
(Francisco Teodorico)

É duro te amar
A consciência, barrando com violência
O desejo de tocar.

Anúncios