Tags

CHORANDO JUNTO
(L. Roberto Silvado)

Ouvi a história de um menino que tinha um grande coração e um vizinho bem idoso. Quando soube da morte da esposa do seu vizinho ele prontamente foi visitá-lo. Ao ver aquele “vovô” chorando o menino imediatamente sentou-se no seu colo, encostou a cabeça no seu peito e ficou ali calado sem se mexer.

Mais tarde a mãe do menino perguntou o que ele tinha dito para o vizinho enlutado. Ao que o menino respondeu:

Nada! Eu só fiquei ajudando ele a chorar!

Normalmente esta é a melhor coisa que podemos fazer pelas pessoas que estão enfrentando uma perda. Na maioria das vezes as coisas “sábias” que dizemos ou desejamos dizer tem menos valor do que simplesmente o sentarmos ao lado da pessoa segurando a sua mão e chorando com elas.

Uma das maneiras mais eficientes para ajudarmos alguém que chora é “chorar com os que choram”. Jesus demonstrou este princípio quando visitou Maria e Marta, irmãs do seu amigo Lázaro que falecera. Percebendo a dor que a morte havia trazido àquela casa “Jesus chorou”. Mais tarde Jesus ajudou aquela família com ações de amor que o levaram a ressuscitar Lázaro.

Normalmente a melhor coisa a fazer por aqueles que estão caminhando pelos caminhos solitários da dor e da morte é ajudá-los a chorar. Jesus fez isto chorando junto com as irmãs de Lázaro.

Vivendo a vida hoje:

Você conhece alguém que está precisando das suas lágrimas para chorar junto? Tome a iniciativa! Você já experimentou consolar alguém com a sua presença e com a sua ajuda prática? Faça alguma coisa ainda hoje por esta pessoa!

Texto Bíblico Utilizado:Romanos 12:15;João 11:35.

(Fonte: Vida.net)

Anúncios