Tags

,

OS DEZ MANDAMENTOS DA MATERNIDADE

1. Não ignore a tua vaidade, pois duas coisas são compatíveis: mulher atraente e mãe dedicada.
2. Separe um tempo para repousar e também se arrumar.
3. Demonstre ao seu bebê uma infinidade de carinhos e mimos para que ele se sinta seguro de sua posição em seu coração.
4. Lembre que nenhum bebê é igual a outro, logo ouça os conselhos bem intencionados, mas submeta-os a julgamento, deduzindo o que será melhor para sua filha. Quando em dúvida, consulte o médico.
5. Acostume-se com as exigências matinais do estômago do(a) pequenino(a), reconhecendo que esses momentos de alimentação, quando tudo em volta é silêncio, é oportunidade preciosa para estar bem pertinho de seu bebê.
6. Guarde sua filha de visitas inconseqüentes que chegam espirrando. Converse com tais visitas com firmeza e delicadeza, explicando que a bebê ainda é muito sensível.
7. Não compare o crescimento de seu bebê com outros. Lembre-se: cada um tem suas próprias capacidades e seu próprio tempo.
8. Não force seu marido a ficar de nariz torcido porque a bebê recebe mais atenção do que ele.
9. Encoraje seu marido, a exercer a paternidade, pois seu bebê precisará dos braços dele tanto quanto dos seus. Ensine-o a alimentar, trocar e até dar banho.
10. Agradeça a Deus porque onde havia dois, agora são três. A beleza da maternidade deverá brilhar em seu rosto, pois verdadeiramente você foi abençoada.

Anúncios