Tags

, ,

SEMPRE DISPONÍVEL
(Hedy Silvado)

Quando doei sangue uma amiga há alguns anos atrás fiquei pensando na importância deste líquido vermelho: ele dá vida. Ela havia perdido muito sangue pois teve seu ventre aberto três vezes numa mesma semana por causa de um problema intestinal. Agora ela dependia de doadores para se restabelecer (e é claro, da vontade de Deus). Muitas pessoas de nossa comunidade foram ao banco de sangue. Antes de doar meu sangue, a enfermeira me deu um folheto para ler, e nele existiam várias informações que me esclareceram a respeito de quem poderia ser doador. Fiquei feliz por não ter tido nenhuma das enfermidades que me impediriam de ser doadora e de ter o mesmo tipo sanguíneo que minha amiga. A minha pergunta a enfermeira foi: “E se todas estas pessoas que estão aqui não tiverem o mesmo tipo sanguíneo de minha amiga?” Ela me tranquilizou dizendo que eles poderiam fazer permuta com outros bancos. O tipo de sangue da paciente não era dos mais raros, só que ela precisava de uma grande quantidade.

Enquanto aquele vital fluído vermelho escoava de minha veia eu lia mais um folheto que falava sobre o percentual de cada tipo sanguíneo na população. Lembro-me que “O positivo” e “A positivo” são dos mais comuns, cerca de 37% e 36% respectivamente. O mais raro é o “AB negativo”, somente 1 em cada 167 pessoas o possui. Neste folheto havia uma frase me fez pensar: “O tipo sanguíneo mais raro é aquele que você não encontra quando necessita dele.” Lembrei-me de um suprimento de sangue especial e que sempre está disponível a todo aquele que pede por ele. A Bíblia, no livro de I João 1:7, diz: “… o sangue de Jesus Cristo nos limpa de todo o pecado.” Não é estranho pensar nisto? Nunca ouvi falar que sangue limpa alguma coisa, ao contrário, ele mancha. Mas a morte de Cristo e o derramamento de seu sangue satisfez a demanda de Deus como pagamento pelos nossos pecados (isso está em Hebreus 9:11-22). Por isso, qualquer pessoa que clamar a Deus com fé, arrependendo-se de seus pecados e implorando o seu perdão, recebe a salvação.

Minha amiga ficou boa, o sangue que ela recebeu de tantas pessoas devolveu-lhe a vida física. Mas só o sangue de Jesus pode dar vida eterna. Se ela não tivesse resistido, ela teria partido deste mundo com a certeza da vida eterna, pois ela tinha aceitado o sacrifício de Jesus na cruz, no lugar dela. Talvez você que está lendo esta mensagem, não tem certeza de vida eterna ainda. Lembre-se de que Jesus morreu na cruz, dando o seu sangue por você, para que o seu perdão estivesse disponível a você quando precisasse dele. Basta que você creia em Cristo e o aceite como Salvador e senhor da sua vida. Não é maravilhoso saber disto?

“Jesus toma sobre si nossos pecados e nos dá a salvação.”
Texto Bíblico Utilizado:I João 1:7

Anúncios