Tags

, , ,

HISTÓRIA SEM FIM, OU NÃO…

Era tudo vazio e sem forma. A chuva se fez, caiu. As gotas penetraram na terra, árida. E os dois nasceram, cresceram, cada um em seu espaço.

Os ventos os fizeram se conhecer, trocaram sorrisos, deram as mãos, começaram a caminhar e depois a correr juntos.

Ela ganhou uma bicicleta, ele vibrou com sua felicidade e corria atrás das duas rodas, feliz. Depois veio o carro. Enquanto isso, ele ainda feliz, corria atrás para que ela não perdesse de vista seu sorriso cúmplice. O avião fez com que cada vez mais ficasse difícil dela ver seu sorriso, apesar de ele ainda existir. E num desses momentos, plantaram uma sementinha em seu jardim, que cresce, mas ainda não floresce…

Enquanto ela voa, ele cuida, tirando as lagartas, regando, cuidando, cada vez mais solitário, agora sem o sorriso inicial, à espera de um final feliz…

(Francisco Teodorico, Mar2014)

Anúncios