Tags

, , ,

CATECISMO DA FAMÍLIA E DO MATRIMÔNIO
A vocação ao Matrimônio

1. Que significado tem o matrimônio cristão?
O matrimônio expressa o amor de Deus por seu povo, que é a Igreja. Assim como Cristo se entregou em sacrifício por amor à Igreja e permanece eternamente fiel a ela, do mesmo modo os esposos se entregam um ao outro totalmente, imitando o amor de Cristo.

2. É um bem receber o sacramento do matrimônio?
É um grande bem receber o sacramento do matrimônio no caso dos batizados, porque é o único modo de santificar o amor humano entre o homem e a mulher.

3. Que bens comunica o matrimônio aos esposos?
O senhor infunde sua graça nos corações dos esposos para que cumpram os deveres próprios de seu estado: a fidelidade às suas promessas, a procriação, e educação dos seus filhos, o sustento mútuo em meio às alegrias e dificuldades da sua vida.

4. Existe algo de especial no matrimônio entre batizados?
O matrimônio entre os batizados é um dos sete sacramentos que Jesus Cristo instituiu. Isto quer dizer que é um caminho de santidade: Deus chama aos esposos a que ganhem o Céu santificando-se em seu matrimônio e na sua vida familiar. Saber que o matrimônio é uma vocação divina nos ajuda a defendê-lo e a valorizá-lo adequadamente respondendo com generosidade à vontade de Deus.

5. Estão casados um homem e uma mulher batizados, que vivem juntos e não receberam o sacramento do matrimônio?
Pode ser que estejam casados perante um juiz pelo matrimônio civil, mas não estão perante Deus.

6. Que devem fazer as pessoas que estejam nesta situação?
Um homem e uma mulher que sendo católicos estejam vivendos juntos e queiram seguir vivendo assim para sempre, deveriam falar com o paróco ou sacerdote católico mais próximo, expor sua situação e procurar santificar seu lar com o sacramento do matrimônio.
Se quiserem celebrá-lo, não devem temer o pequeno desembolso econômico que suponha a celebração; nem preocupar-se por mais que já levem anos vivendo assim, inclusive tendo filhos maiores, ou de outras uniões anteriores não sacramentais: o importante é que seu lar e seu amor fique santificado e eles tenham a conciência de ter cumprido a vontade amorosa de Deus.

7. Há algum mérito que um homem e uma mulher, embora não tenham recebido o sacramento do matrimônio vivam juntos e guardem fidelidade um ao outro?
Esta conduta tem valor exemplar. A fidelidade é um grande valor humano e uma grande virtude que torna possível o desenvolvimento autêntico da personalidade e a felicidade familiar. Entretanto, se este homem e esta mulher que vivem juntos são católicos, sua fé e seu amor a Deus devem levá-los, sempre que seja possível, a santificar seu lar com o sacramento do matrimônio.

8. Por que algumas pessoas têm medo de receber o sacramento do matrimônio?
Alguns casais que guardam fidelidade temem que recebendo o sacramento do matrimônio, o cônjuge vai sentir-se seguro de possuir ao outro e que isso pode ser o começo dos problemas no matrimônio. Entretanto, devem saber que este temor não tem fundamento quando existe verdadero amor já que o amor dos esposos e o Sacramento que santifica seu lar é o princípio da bênção de Deus para sua família.

9. Como se pode ajudar a estas pessoas a sair do equívoco?
Estas pessoas devem saber que o sacramento do matrimônio abençoa o amor já existente entre os esposos, lhes dá forças para vivê-lo, e recebem a ajuda divina e a bênção de Deus para santificar-se em sua vida matrimonial.

(Padres Fernando Castro e Jaime Molina)

Disponível em http://www.acidigital.com/familia/vocacao.htm
Catequese: O Catecismo da Igreja Católica (1992) define a catequese como “o conjunto dos esforços feitos na Igreja para fazer discípulos, para ajudar os homens a acreditar que Jesus é o Filho de Deus de modo que, pela fé, tenham a vida em seu nome, para educá-los e instrui-los nesta vida e construir assim o Corpo de Cristo”. Deste modo, a catequese é concebida como o acto de transmissão da fé numa pessoa – Jesus Cristo – acto que possui um conteúdo próprio, ou seja, o Evangelho vivido na fé da Igreja.

(Publicado em 04Abr2005, http://www.pastoralis.com.br/pastoralis/html/modules/soapbox/article.php?articleID=187)

Anúncios